Próximos Eventos
Home / Outras Atividades

Outras Atividades

Avaliação Social: Realizada pela Assistente Social, responsável pelo Projeto Social, a avaliação social consiste na identificação das situações de vulnerabilidade social e pessoal a serem superadas e prevenidas, com devido preenchimento de ficha social e orientação iniciais e família.

Inserção da família no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo: A partir de cronograma previamente definido, as (os) crianças e adolescentes iniciam a frequência nas oficinas socioassistenciais e socioeducativas, diretamente, de acordo com suas necessidades e interesses, passando a ser acompanhadas de maneira sistemática, bem como suas famílias, de acordo com a demanda apresentada.

Acompanhamento Psicossocial: O acompanhamento das crianças, adolescentes e suas famílias conta com assistência social e psicológico que desenvolvem as seguintes ações:

  • Atendimento individual e/ou familiar: Realizados por assistente social e psicologo, os atendimentos individuais de acompanhamento e apoio a crianças, adolescentes e suas famílias acontecem mediante observação na rotina diária da instituição, por procura de familiares ou demanda espontânea da própria criança ou adolescente. Tem como fundamento, acolher estas demandas, bem como interesses, necessidades e possibilidades além de facilitar o vínculo familiar, a convivência social e comunitária e identificar a necessidade de encaminhamentos á rede.
  • Orientações e encaminhamentos: A partir das necessidades observadas nos atendimentos e oficinas oferecidos às crianças, adolescentes e suas famílias, são realizados encaminhamentos diversos à rede social e de apoio, buscando atender à uma demanda socieconômica, de saúde e educação, entre outros que não consistem em objeto de trabalho da SABSA. Assim, é possível aumentar o acesso das famílias a benefícios socioassistenciais e programas de transferência de renda, bem como aos demais direitos sociais, civis e políticos, conforme preconizado pela Tipificação Nacional dos Serviços Socioassistenciais.
  • Grupo de familiares: Como parte do acompanhamento psicossocial, os responsáveis pelas crianças e adolescentes inseridos no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo deverão participar, mensalmente, do grupo de famílias, em horários determinados e combinados previamente para que não influencie na rotina de trabalho das famílias. Tem como principais objetivos, promover a integração e o vínculo entre a família e a equipe multiprofissional, bem como facilitar o processo de fortalecimento da função protetiva da família. Além de assuntos pertinentes à rotina da entidade, do projeto social e assuntos em geral, durante no grupo de famílias serão realizadas atividades de reflexão, troca de experiências e a interlocução entre pares sobre assuntos diversos e comuns às famílias da área de abrangência. A proposta tem como foco a prevenção de situações de vulnerabilidade e risco pessoal e social, apoiando o processo de busca por emancipação das famílias, favorecendo o desenvolvimento da autoestima e cidadania.

Oficinas socioeducativas: Consiste na oferta de atividades potencializadoras da participação social,tais como espaços de livre expressão de opiniões, de reivindicação e avaliação das ações ofertadas, bem como de espaços de estímulo para a participação em fóruns, conselhos, movimentos sociais, organizações comunitárias e outros espaços de organização social.

Outras atividades de convivência e mobilização para a cidadania: coim uma metodologia participativa, mensalmente são escolhidos temas para o trabalho socioeducativo com crianças e adolescentes inscritos no Projeto Social, a fim de atingir os objetivos pertinentes ao Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo, com foco na convivência em grupo, administração de conflitos por meio do diálogo. Assim, a equipe técnica, no trabalho de recreação cria espaço para que sejam compartilhados outros modos de pensar, agir e atuar com seus pares e na sociedade como um todo. A metodologia de trabalho ainda pode ser desenvolvida através de palestra, atividades informativas que versem sobre: a garantia de direitos de crianças, adolescentes e suas famílias; datas comemorativas, entre outros, mobilizando também para a cidadania. Há intensa participação de pessoas da rede para promover este espaço de informações em saúde, convivência comunitária, qualidade de vida, etc…